E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

14% das compras online no Brasil já são feitas por dispositivos mobile

14/07/2015 Por: Vanessa Cagliari
14% das compras online no Brasil já são feitas por dispositivos mobile

O comportamento do consumidor brasileiro está mudando, segundo uma pesquisa da empresa Criteo. O levantamento trimestral "State of Mobile Commerce"  descobriu que, no Brasil, 14% das compras online do segundo trimestre de 2015 foram efetuadas por meio de smartphones que correspondem a 10% do total e, aquelas realizadas em tablets, a 4%.

 
 
Nem todos os sites são responsivos, mas, apesar da dificuldade, parece que os brasileiros estão utilizando, cada vez mais, tablets e smartphones para adquirir produtos pela internet. O resultado da pesquisa foi baseado em informações de 1,4 bilhões de transações online que movimentaram US$160 bilhões em vendas anuais. Embora esses números revelem avanço no e-commerce móvel brasileiro, países como os Estados Unidos estão mais avançados nessa área. As compras feitas por meio de dispositivos móveis realizadas no país já ultrapassam 30% do total, segundo a Criteo.


 
O relatório indicou, também, que a cota de transações via mobile no Brasil deve chegar a 22% até o final do ano e, na média mundial, esse índice deve corresponder a 40%. Um ponto que ajudou a impulsionar as vendas online em smartphones foi a introdução de telas maiores em aparelhos como o Galaxy S6 e o iPhone 6. No Brasil, o sistema do Google representou 7% de transações de e-commerce no trimestre, contra 3% do iPhone.

 
 
Outro fator relevante é a otimização dos sites móveis. O conteúdo do site no desktop está cada vez mais sendo adaptado para os dispositivos mobile. Segundo a pesquisa, 31% das transações de e-commerce mobile são efetuadas em sites otimizados. Já os sites não adaptados correspondem a 23% das transações online via dispositivos móveis.

 
 
Os aplicativos móveis também são usados pelos usuários para efetuar compras online. Os varejistas que oferecem aplicativos para a compra de produtos avaliaram que 47% de toda a sua receita mobile vem do aplicativo.
 
 
Loja virtual com versão responsiva ou mobile?
 
Como a internet móvel já está afetando o e-commerce de maneira impactante é melhor ter ao menos uma das duas. Ambas as opções são viáveis e representarão a sua empresa muito bem no ambiente mobile. Veja a seguir, os seguintes aspectos de cada versão:

 
Mobile: O design e a programação da versão mobile foram feitas pensando apenas no mobile, sendo uma segunda aplicação, isto é, uma para navegadores comuns e outra para navegadores mobile. Ao entrar na loja, identifica-se o dispositivo e redireciona a programação específica. Ou seja, você pode pensar em um formato de loja especialmente para aqueles que desejam acessar por smartphones e tablets.

 
Responsivo: O design é o mesmo no computador, smartphone, tablet ou notebook. O que muda é como o design é apresentado e todo o layout é ajustado automaticamente de acordo com a resolução do dispositivo.

 
Quer aprender mais sobre vendas e e-commerce? Então conheça o curso de MBA em Gestão de Marketing Digital do Dom Interativo que oferece conhecimentos sobre e-commerce e modelos de negócios digitais. Clique aqui e conheça nosso curso, gratuitamente.
 
 

Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar