E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

Educação infantil ganha cada vez mais destaque na área da educação

22/01/2015 Por: Editorial Dom Bosco
Educação infantil

A qualidade da educação de um país deve ser uma de suas principais metas de governo. No entanto, no Brasil, nem sempre o profissional da educação recebe o reconhecimento que merece. Por esse motivo, cabe a ele mesmo se destacar no mercado de trabalho competitivo. A pós-graduação em educação infantil é uma das especializações que vem ganhando destaque nos últimos anos.
 
Afinal, enquanto uma criança brinca, passeia, ouve uma história ou, até mesmo, participa de um refeição com outras pessoas, suas funções psicológicas são modificadas. A base de seu desenvolvimento será a forma como o indivíduo recebe esses estímulos durante a infância, dessa forma, ter amigos, conversar, explorar o mundo ou brincar com alguém.
 
Devemos destacar que o papel do educador/professor é fundamental para o desenvolvimento infantil. Afinal, existem tarefas que uma criança não é capaz de realizar sozinha, mas se torna capaz se alguém lhe passar instruções, der demonstrações e fornecer pistas. Essa é a função do professor, que tem o papel de mediador, devendo facilitar a aproximação entre as crianças, além de decidir sobre as práticas que devem ser apropriadas em grupo, aumentando as interações sociais dos indivíduos.
 
Portanto, por que a maior parte das crianças estão fora da educação infantil e são obrigadas a esperar durante seus 5, 6 ou 7 anos para receberem sua primeira educação formal e orientada?
 
A educação sempre foi e será o bem mais precioso de um indivíduo e, inserindo a criança em um ambiente educacional desde de cedo, beneficia o processo de aprendizagens básicas como a locomoção, desenvolvimento gradual da fala, da linguagem, inteligência e suas aptidões.
 
Segundo o MEC, o mercado de trabalho na área da educação vem sofrendo uma carência por profissionais na educação básica, devido à falta de procura. No setor de educação especializada, o setor sofre ainda mais pela escassez de profissionais. Por esse motivo, investir em uma pós-graduação pode ser a solução para se tornar referência de habilidades únicas e indispensáveis nas novas áreas do mercado de trabalho.
 
Profissionais graduados na área da educação que possuem especializações específicas dificilmente sofrem com desemprego. Além disso, a satisfação profissional de quem se especializa na educação infantil é garantia de saber que está fazendo toda a diferença na formação do cidadão e na construção de um mundo melhor.


Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar