E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

Profissionais temporários são estratégicos para as empresas

15/01/2016 Por: Editorial Dom Bosco
Profissionais temporários são estratégicos para as empresas

Uma equipe formada por profissionais temporários garante às empresas um aumento da agilidade e flexibilidade para acompanhar e responder os movimentos do mercado da melhor maneira e manter-se competitivo. Por isso, cada vez mais as organizações estão contando com a colaboração desses profissionais como parte de suas equipes, conforme revelou uma pesquisa da Robert Half com 100 CFOs brasileiros: em cinco anos, os temporários terão a mesma importância dos colaboradores contratados pelo método tradicional nas empresas.


 
 
Esse cenário acontece porque o profissional temporário passou a atuar em posições de gestão dentro das empresas para comandar projetos estratégicos, mas com prazo determinado. O estudo mostrou também que, no Brasil, 19% do quadro de profissionais da área de finanças e contabilidade é formado por mão de obra temporária.


 
 
Entre os principais fatores que levam as empresas a contratarem os temporários são: preencher ausência de funcionários (44%); ter acesso a habilidades especializadas (43%); manter a produtividade (36%); avaliar potenciais funcionários permanentes antes de fazer uma oferta de trabalho (27%); e ajudar a aliviar a carga de trabalho entre o pessoal permanente (19%). 


 
 
Outra vantagem é o tempo de recrutamento: um processo seletivo tradicional leva três semanas, em média. Já um processo para contratação de vagas temporárias leva em, no máximo, uma semana. De acordo com a Associação Brasileira do Trabalho Temporário (Asserttem), o número de temporários em cargos de gerência cresce em média 10% ao ano. Por fim, o levantamento conclui que os temporários são ideais para preparar a abertura de capital, realizar reestruturações administrativas, otimizar processos de fusões e aquisições, adequar a empresa a processos tributários e regulatórios e implementar novos sistemas.
 
 
 

Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar