E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

As redes sociais podem ajudar na hora de procurar um emprego

24/05/2019 Por: Editorial Dom Bosco

As redes sociais podem ajudar na hora de procurar um emprego

Para quem acredita que o perfil nas redes sociais pode ajudar a fazer novas amizades e encontrar um novo amor, saiba que essas mídias também podem ser a sua porta de entrada ou saída do mercado de trabalho. Uma pesquisa desenvolvida pela empresa Reppler concluiu que 69% dos recrutadores já deixaram de contratar um candidato ao conhecerem suas redes sociais. Em contrapartida, as redes sociais podem ajudar na hora de procurar emprego, se forem bem trabalhadas.


O que muita gente esquece é que o perfil criado no Facebook, Instagram, Twitter, dentre outras, é público. Ou seja, não só quem as conhece terá acesso ao conteúdo, como quem nunca as viu antes irá acessar a página e  formar uma imagem sobre a personalidade do dono do perfil. Não caia na ilusão de acreditar que o único perfil que precisa ser gerado com responsabilidade é do LinkedIn; na hora de avaliar, as outras mídias também são levadas a julgamento pelas empresas.


Mas, fique sabendo que não só você pode ser encontrado nas redes sociais, como também pode localizar empresas e identificar novas vagas de emprego. Existem grupos de anúncios de empregos nessas plataformas, que auxiliam quem está buscando uma nova oportunidade; integrantes compartilham dicas de carreira e empresas podem publicar processos seletivos nesses canais.


Pensando na influência das redes sociais para a carreira, como você tem gerenciado seus perfis? Considere algumas dicas para avaliar se o seu Instagram, LinkedIn e qualquer outra rede social que você possua, estão ajudando ou espantando os headhunters de você.


Você pode gostar também: Orgulho Nerd


Rede de contatos

Ter em sua rede de amizades pessoas influentes em sua área de atuação, como professores e colegas de faculdade, podem ajudar que você fique ainda mais atualizado. Essas pessoas conhecem muita gente interessante e normalmente compartilham pesquisas exclusivas e vagas de emprego.

Dependendo do contato que você possui com alguns profissionais de sua rede de contatos, você pode tentar pedir indicações ou sugestões de vagas. Contudo, tenha bom senso e evite ser inconveniente ou pedante. Procure fazer uma abordagem discreta, não fazendo com que a pessoa se sinta pressionada em ajudar.


Use as configurações de segurança

As configurações de segurança disponíveis nas mídias sociais, são ótimas funcionalidades para proteger a sua privacidade. Quando bem configuradas, elas evitam que publicações duvidosas sejam feitas em sua página sem seu consentimento. Essas também dão a você o poder de gerenciar postagens que seus amigos o marcam.


Nem sempre o melhor é escolher o anonimato total, pois é o acesso às suas páginas que vão instigar a curiosidade do recrutador em contactar você; se ele não encontra nada em sua página, pode perder o interesse. O segredo para não tornar as redes sociais inimigas na hora de procurar emprego é usar configurações de segurança e acima de tudo, controlar as postagens que são feitas.


Pense, antes de publicar

A melhor dica para gerenciar com responsabilidade as redes sociais é ‘pensar’ antes de publicar. Reflita nos impactos que a publicação poderá ter em sua vida; poste apenas coisas que trarão valor a sua imagem e que poderão ser úteis a outros. Além disso, tenha muita cautela com as fake news e não saía compartilhando coisas que você não tem a validação de uma fonte confiável.


Não só com as vagas de emprego é preciso ficar atento ao movimentar as mídias sociais, muitos processos jurídicos são iniciados por postagens irresponsáveis que ferem a moral e imagem de outros. Sair postando qualquer coisa só porque a ‘página é sua e você faz o que bem entender com ela’ é um erro.


Marketing Pessoal nas redes sociais

Julgamos constantemente as empresas que se expõem de forma negativa no mercado, e os motivos vão desde um texto publicitário ruim até um comportamento antiético. Contudo, na hora de nos expormos não desempenhamos visão crítica quanto a forma que seremos julgados. Se você quer obter sucesso no mercado, porte-se como empresa.


O Marketing Pessoal diz respeito às estratégias que desenvolvemos para melhorar nossa imagem no mercado e como nos comportamos na internet, também conta. Se tratando como empresa, reflita se é tão relevante começar uma discussão pública; se é tão inteligente responder de forma ríspida as pessoas; se é tão sábio fazer postagens desrespeitosas com outros. Sempre questione: se eu fosse uma empresa, eu faria isso?


Faça das redes sociais seu portfólio

As redes sociais podem ajudar na hora de procurar um emprego 2

Você pode compartilhar muita coisa nas redes sociais, sim! Faça dessas plataformas o mural de seus projetos e trabalhos. Como você viu, não só o LinkedIn precisa ser cuidado de maneira profissional. Enquanto no LinkedIn os recrutadores procuram suas competências técnicas, no Facebook e Instagram eles entenderão como é sua personalidade.


Assim, maneirar nas postagens pessoais e dar atenção a assuntos profissionais em todas as mídias em que você está, podem colocar seu nome a frente de outros concorrentes em processos seletivos. Não esqueça que quando nos expomos, é impossível não sermos julgados. Então, que esses julgamentos sejam positivos!


E-mail já cadastrado. ×

Receba nossas novidades



Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

x
Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar