E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

Como será o varejo do futuro no mercado

09/11/2018 Por: Editorial Dom Bosco
Futuro varejo 2025 


O Novovarejo compartilhou algumas expectativas levantadas pela consultoria Cognizant, sobre o varejo do futuro no  mercado, que devem revolucionar o comportamento dos varejistas até 2025. As projeções envolvem aspectos que devem facilitar a vida do consumidor e integrar diferentes empresas, até mesmo as concorrentes. Pegue uma caneta, e já comece a considerar quais dicas que podem ser inseridas o quanto antes em seu negócio.


Os consumidores (Shoppers)

Não é novidade que ao comprar, as pessoas estão dando preferência por soluções que sejam ágeis e convenientes. Prova disso, é que o tempo de entrega dos e-commerces influência na escolha de onde comprar. O publicação do Novovarejo diz que essa tendência deve ser cada vez mais determinante na hora da compra.


Aliada a essa tendência, a interação entre lojas físicas e onlines deve ser ainda mais influente. Fazer compras, empréstimos, transações e muitas outras atividades por aplicativos, será algo natural para o consumidor do futuro. O blog até admitiu em uma de suas publicações que “A loja física não morreu. Ela mudou definitivamente”, já que elas não devem diminuir, mas sim integrar suas atividades com soluções onlines. A vantagem dessa integração não fica apenas para o consumidor, mas para as empresas que poderão ter a coleta de dados em diferentes canais, para que possam oferecer serviços personalizados.


A cadeia de abastecimento

A concorrência pode passar a se transformar em parcerias para a redução de custos, principalmente, quando o assunto é transporte. Cerca de 46% dos transportadores e 81% dos provedores de serviços logísticos que participaram da pesquisa, apresentaram comportamento favorável na integração dos serviços, que podem facilitar uma concorrência cooperativa no futuro.
 

Tecnologia no varejo

Os avanços de tecnologias até 2025 para os diferentes setores, deve tornar o oferecimento de soluções diferenciadas por um preço mais acessível. A realidade aumentada (AR), deve estar presente em mais comércios varejistas do futuro, como lojas de roupas, que podem permitir que os clientes experimentem as peças usando ferramentas desse tipo, até mesmo, pelos smartphones.


A tecnologia deve ter concentração no atendimento ao cliente, que deve favorecer a adoção de chatbots dinâmicos e mais humanizados. O pagamento de serviços com as criptomoedas, deve favorecer um mercado ainda mais disruptivo e monitorado.


Fique sempre por dentro das últimas novidades do varejo, conhecendo as melhores dicas e ferramentas com o MBA em Gestão de Marketing e Varejo da Unidombosco.  

 

E-mail já cadastrado. ×

Receba nossas novidades


Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar